Archive for the ‘Bonnie e Clyde’ Category

embaixo da mesa

20dez16

tô te esperando sentado na sala tô contando as horas pelo meu respirar parece que todos as semanas são o mesmo dia como se eu nem tivesse dormido nem sonhado, nem comido, nem bebido tô roendo as unhas e toda minha calma tô olhando o telefone esperando ele tocar e se você me amasse essa […]


Sotaque

14dez15

quão rápido eu puder te alcançar, nesse nosso jeito de ir sem correntes na eterna calmaria que veio depois; você me culpa por essa mania de te fazer rir e eu te digo que não caibo em mim, e é tua culpa também, essa saudade que já vem logo depois; tava escrevendo seu nome na […]


como um raio

30out15

sempre começa pelo céu como qualquer data solene, depois vem o tremor na terra e por alguns segundos o chão não parece mais tão seguro, então destrancamos a porta, não que não tenhamos medo do tem lá fora, mas ainda temos a esperança de que alguém entre e não repare na bagunça porque algumas coisas […]


São 2 da manhã, ela não consegue dormir, a mão entre as pernas, o telefone ao lado da cabeça. Existem três perguntas que lhe tiram o sono e que talvez, se ela conseguisse responder, provavelmente a vida ficaria um bucado mais fácil essa madrugada. A primeira tinha a ver com a barata voando na sala […]


tudo bem?

13ago15

te convidei pra entrar, mas não vai reparar achei que deveria deixar a casa como sempre fica algumas coisas ficam mesmo fora do lugar, então, por favor, não vá se assustar, só preferi deixar assim pra não te enganar mesmo, e ver se mesmo com minha bagunça, você ainda vai querer ficar por aqui, tudo […]


– O que você faria se eu morresse agora? – É sério isso? – Ahan. – Arrumaria outro namorado.  – Nãooo. Eu tô falando sério! – Eu também, ué. – Tá. Mas e antes de arrumar outro namorado? – Não tem antes. Você morreu, eu pego minha agenda, ligo e pronto. Novo namorado. Nem vai […]


já fazia 15 minutos que eu estava ali. era meu terceiro copo, meu segundo cigarro. acho que eu estava numa boa média se for analisar mesmo. conheço caras que conseguem me superar numa boa. e eu não pretendia ir muito além disso. era uma daquelas misturas entre boteco barato e danceteria. ou, pelo menos tinha […]