o sujeito oculto ocorre quando não está presente na oração

02mar17

a gente abriu a porta,
só pra te deixar a vontade,
e você trouxe de volta toda a bagunça.
tirou o sono, tirou a calma
e eu rasguei minha garganta
e dei minhas mãos para o diabo
quando desejei com todas as forças
que você fosse para o inferno.
e eu sei que sempre vou pagar por tudo isso,
mas se for assim, que eu compre também minha paz,
umas noites bem dormidas e minha casa sempre com amigos,
sem medo de que você possa chegar
e fazer tremer todas as paredes. 

quero ficar bem com meus planos
e com minha cabeça no lugar.
sem precisar me convencer 
de que eu não sou tudo aquilo que você tanto diz.
quero acreditar em mim,
e em que fica por aqui,
e rir dessa bobagem nossa de insistir em correr atrás
de quem nunca quis a gente por perto.

não digo que não gosto de você,
ou que te deseje algum mal,
só não posso mais te ter por perto.

Anúncios


No Responses Yet to “o sujeito oculto ocorre quando não está presente na oração”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: