talvez eu não precise dizer nada que você já não saiba

11out16

um poema não escrito se desenha ao lado do corpo dela,
junto de todas as músicas que o batom manchou
quando manchou minha boca também.

uma promessa no estacionamento
dois dedos de vidro aberto,
a luz do poste que não funciona,
achei que era cedo demais pra te contar,
mas os sons da cidade fazem meu ouvido doer,
então talvez se a gente ficar em silêncio,
talvez eu não precise dizer nada que você já não saiba.

quando me sinto longe
e todas as coisas que escrevo te beijam antes de dormir,
eu queria te beijar, queria te beijar antes de dormir,
mas se por hora eu já puder te alcançar assim,
vou ficar em paz enquanto puder te ver
meu deus você é tão bonita, tão bonita
talvez eu não precise dizer nada que você já não saiba.

Anúncios


No Responses Yet to “talvez eu não precise dizer nada que você já não saiba”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: