desses vinte e poucos

15ago16

foi o relógio da parede que me contou. acho que eu tinha perdido a conta. balanço a cabeça em sua homenagem. te desejo coisas boas. lembro de você pelos cantos da rua de cima, pela porta que nunca fechou direito depois que você bateu, pelas revistas empilhadas, pelas músicas antigas, pelas coisas que eu não sei contar pra ninguém. se me perguntarem só digo que não quero mais fazer parte de nada disso. por mais que eu quisesse, eu nunca te pertenci. o jantar já vai esfriar e a gente deve acabar tendo mais problemas antes mesmo de você terminar de beber a coca-cola, então eu torço às vezes, pra daqui algum tempo, a gente ter mais tempo pra qualquer coisa. como todo amor cansado que perdeu a vontade de tentar, parece que envelheci demais em todos esses anos e quando deixo de me desesperar um pouco, é quando sei que me perdi. perdi nossa batalha, perdi o caminho pra casa. e quando penso sobre isso, acho que sempre fui perdendo bem mais do que você. eu só não falo tanto, não sei dividir algumas coisas. deve existir um lugar pra sentar ao sol, como uma longa viagem de ônibus, aonde a gente só rode sem destino, com algumas músicas legais tocando, eu olho pela janela uma paisagem bonita, desenho as nuvens com os meus dedos, e uma senhora simpática senta no banco da frente, às vezes ela oferece uma bala que tira da bolsa e diz que Danilo é o nome do neto dela, que é um nome muito bonito, eu sorrio, agradeço e por todo esse tempo eu não fico triste quando penso sobre isso. 

Anúncios


No Responses Yet to “desses vinte e poucos”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: