Quando a gente têm medo de não ser o bastante. E ficar depressa velho demais.

02fev16

Os personagens dançam pela minha cabeça

pedem por outra linha, pelo final

ou por pelo menos mais um capítulo, 

fazem coro com os livros nem começados,

com as músicas que eu nunca gravei.

Sempre tive medo de me tornar uma daquelas pessoas

que podiam muito mais do que realmente fizeram,

quase como se fosse um medo de envelhecer depressa

e não ser quem eu acho que posso ser.

Logo encaro a mim mesmo

fazendo planos que as pessoas da minha idade não fazem mais

quase como se eu tivesse parado no tempo,

e a realidade não me chamasse pra dançar.

Então eu escrevo outro capítulo,

outro poema na beira do formulário da minha chefe,

e tento me acalmar. 

Foi numa dessas que andei pensando sobre as pessoas,

e tive uma certeza absoluta – e um tanto maluca –

de que aquelas que sorriem com nossos sonhos

são as melhores! Aquelas que até perdem o ar

de tão empolgadas que ficam e falam sem parar

e abrem um espacinho na loucura delas para a gente entrar,

e seguram nossos dedos e apostam tanto na gente

que a gente tem vontade de fazer um filme inteiro ali na hora

só pra ela. Só pra ela sorrir de novo.

Quando alguém gosta da gente assim, com todos nossos sonhos tortos

nossa loucura meio contida,

nossos planos que só funcionam de improviso,

o medo de envelhecer não vai embora,

nem o medo de ser um fracasso ambulante.

Mas nos olhos dela eu sei

que desde que eu tente o meu máximo, com certeza já vai servir,

que ela não vai embora se ninguém nunca ler nada do que eu escrever

quando alguém abraça a gente assim

e oferece sua loucura de volta e a gente acha tão bonito,

é uma sorte danada e a gente faz mais um milhão de poemas pra ela

logo depois.

Anúncios


No Responses Yet to “Quando a gente têm medo de não ser o bastante. E ficar depressa velho demais.”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: