Archive for setembro, 2014

Era o bastante. Na verdade, ela sabia, que o essencial agora, era não ter pressa. Já fazia um tempo desde que tinha decidido.  E era uma decisão dela. Só dela.  Lidaria com as coisas conforme fossem acontecendo. Nada de antecipar ou blá blá blá e mimimi… O amor funciona assim: – se você escolhe viver, tem […]


encontrei homens que sempre se calavam e perdidos em seu próprio desaforo não contrariavam ninguém, não pensavam em nada e não queriam nada. encontrei homens que faziam a barba e adoravam seus empregos de 8 horas por dia, entre 4 paredes apertadas e a tela do computador colada na testa. encontrei homens que liam livros […]


e ela é assim, um tremor na terra um batom vermelho riscando a sua boca e tirando minha direção. talvez eu peça permissão aos seus pais ou, talvez, ela me acompanhe para além dos nossos planos. ela tem um quê de audrey hepburn. é um acontecimento por si só não precisa de anúncios secundários ela […]


de vez em quando ficava de ponta cabeça e não sabia que lado era o lado certo.  e nesses dias que a gente não tem lado certo qualquer lado parece servir. mas não servia porque dessa vez eu me vi de ponta cabeça e de ponta cabeça a gente se perde de vez. até ela […]


JANEIRO

15set14

‘quem roubou a sua alegria devolveu no raiar do dia que chegou, chegou você fingiu que nem ligou não dê bola, o dia está lindo vem pra fora mesmo fingindo quem te amou, te amou quem não te amou que bobeou bom, quem sabe talvez mais tarde se quiser sair, não hesite em me chamar, […]


FELIPE!

12set14

ERA PRA TER UMA IMAGEM BONITA AQUI, MAS NÃO TÁ CARREGANDO. ENTÃO VOU DEIXAR SEM MESMO. ERA ALGUMA COISA DO BATMAN E TAVA ESCRITO FELIZ ANIVERSÁRIO FELIPE. TO ODIANDO MINHA INTERNET VADIA. Felipe. Viado. Eu comecei isso aqui umas 40857435 vezes. Porque eu não queria falar o mesmo monte de bobagem que todo mundo fala – […]


pra entardecer

10set14

as luzes se acendem, a saudade corre, vai pra te buscar antes que se demore… e eu não sei: da sua cidade desse fim de tarde de todos os cuidados necessários. dessa liberdade do nosso carnaval da bossa nova de todo ritual estranho. de chegar mais cedo antes do anoitecer de voltar pra casa morrendo […]