Archive for julho, 2014

âncora

31jul14

era um daqueles dias que não funcionavam muito bem. claro que minha cara de sono era absurda daquelas tardes aonde eu tinha mais olheiras do que amigos. dias assim derrotam a gente, tragam o ar de nossos pulmões e nos soltam de volta pro vento, poeira, terra, fuligem e o que sobrar de mim. velejando em […]


trabalho #2

28jul14

ele entra diz que o troco tá errado eu conto reconto. deu 39,87. ele me deu 50. eu volto 10,15. digo: está certo. certo como? tá certo, ué. certo como? você quer me roubar? pego a moeda de 5 centavos. dou uma de 10. ok, agora tá certo. roubar para vocês, tudo bem? agora, se […]


tava

23jul14

tava outro dia mesmo pensando nisso, sabe, quando algumas coisas começam a funcionar e você nem consegue entender o que tá acontecendo, mas sabe que tá tudo bem? tava lembrando da sua pele e das suas cores. tava essa noite mesmo pensando na paz que você causa. e resolvi que devia escrever enquanto essa euforia desmedida me […]


antes de chegar tinha um espaço enorme antes do espaço enorme a gente era bem pequenininho antes de ser pequenininho a gente era um tanto assim, sozinho antes de ser sozinho eu era errado e antes de ser errado, achei que era melhor viver de qualquer jeito mas antes do qualquer jeito vinha um bilhão […]


As tuas ruas

17jul14

fica fácil com você, a sua cidade que me chamava ou tudo o que dizia os teus braços ao redor do meu pescoço. eu sigo de longe enquanto você gira e é engraçado o quanto mesmo debaixo de um céu estrelado você brilha mais do que qualquer outra coisa que possa tentar roubar minha atenção. […]


acorda, meu amor, rabisca o seu dia me deseja um bom dia. acorda, que já é hoje, que os carros estão parados e as pessoas estão esperando. acorda que a vida tá chamando é, baixinho, assim mesmo ela prefere sussurrar. acorda, que já passou da hora não me faça essa desfeita e não se faz […]