“você vê filmes demais. Você vai acabar me amando pra sempre”

08abr14

parece que eu já te conhecia muito antes de agora
como se a poesia que se escreve
quando eu falo com você
fosse um sinal.
sobre o silêncio
de quando a gente não sabe o que dizer
sobre o descompasso
de quando a gente percebe ter tudo a ver.

parece que todos os meu romances antigos
e todos os meus erros descomunais
me preparam para te encontrar agora,
como se Deus, desde o início, tivesse me colocado em teus planos.
e o que resta sou eu
te chamando pra sair
sentado na calçada
rindo de todo mundo que existe em volta
e de todos esses caras que, olha,
estão morrendo para estar aqui com você
e o quanto eu estou morrendo para me segurar entre teus dedos,
eu o quanto eu gosto – pra cacete – de te ver.

sobre todos os filmes que eu já vi,
e todos os filmes que eu quero assistir
só pra correr te contar,
e te falar do meu dia,
me fazer de sua companhia
e te roubar um sorriso
enquanto, pouco a pouco
eu perco o juízo
e me sinto tão bem
que nem quero dizer nada
deixa assim, me deixa aqui
faz de conta que nem percebe
e deixa eu gostar de você, sem precisar fingir.

Anúncios


No Responses Yet to ““você vê filmes demais. Você vai acabar me amando pra sempre””

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: