Por descuido

14mar14

se o barulho da televisão não te fizer dormir
quando você se sentir tão cansada
ou por desmazelo e incoerência
aquele poema que eu te escrevi
ainda tocar no seu ouvido
e você recitar baixinho
até subir aos céus, como estrela
como um sorriso dado escondido
se por descuido

a casa cheia
e novos rostos tentam te encontrar
aonde você esteve nesse último ano?
se os braços pedirem abraços
e o seu lugar favorito for aonde estive
a plateia vazia,
mas o coração encena
se por descuido


olhando pra ele
no lábio o esboço do meu nome
é bruto, é vulgar, machuca
se dessa vez você pedir, se dessa vez você me pedir
se por descuido você lembrar
e por descuido lembrar que não quer lembrar
aparece
por descuido.

Anúncios


No Responses Yet to “Por descuido”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: