cê pode até não acreditar

17mar13

cê pode até não acreditar
mas eu sabia mesmo que ia ser assim.
sabe, desse jeito.
como que eu sabia?
ué, não sei.
eu só tive todas aquelas coisas
do chão tremer, de ficar zonzo
de querer matar todas as borboletinhas do meu estômago,
de não juntar 2 palavras perto de você.
acho que são sinais.
quando as coisas são assim:
se prepare que vai passar umas boas noites sem dormir.
passei.

cê pode até não acreditar
mas toda vez que sua mão prende na minha
me vem um surto de inspiração.
aquela coisa toda de coro de anjos cantando
enquanto bodes tocam violino.
e de repente surge um céu lindo
absurdamente cheio de estrelas
pra chover 2 minutos depois.
mas deve ser assim mesmo
esse negócio de viver
como se fosse numa roda-gigante, é loucura
só que, por favor,
me deixa continuar indo cada vez mais alto, com você.

porque cê pode até não acreditar
eu, no seu lugar, não acreditaria
mas eu adiantei todos os relógios
e agora você pode ficar aqui, agora.
e no meu futuro, tudo ao mesmo tempo.
vivendo todo tempo que a gente quiser.
e indo dormir só na hora que o sol nascer
pra depois acordar no meio do domingo
e ver que assim o dia fica mais bonito.
e eu vou te dizer um monte de coisa que
cê pode até não acreditar
mas eu fiquei todo tempo olhando pra você.

Anúncios


No Responses Yet to “cê pode até não acreditar”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: