01set12

acordei cansado. as mãos nos olhos não substituem a madrugada. parece uma piada, quanto mais a gente corre em outra direção mais perto ficamos. eu tentei fugir, tentei me esconder. mas eu sempre venço no fim. vencer quando se quer perder é muito frustrante! não ser bom nem pra perder é uma coisa que serve pra lhe tirar o sono. penso na simplicidade das coisas. coisas básicas como regras de gramática. tudo aquilo que a gente aprendeu. a gente vive uma vida toda sem perceber. e não existem livros o suficiente pra apagar o vazio existencial de um dia ruim. o café não me faz mais efeito. acordei cansado. a voz arranha, e o fone de ouvido canta que ‘oh não, agora eu entendi’. ele sabe melhor do que eu. acordei cansado. parece que passei a noite toda correndo, mas na verdade só pensava no seu sorriso. acordei com saudades – e Deus sabe – o quanto é difícil pra mim, ter quer admitir isso.

Anúncios


No Responses Yet to “”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: