Tua cidade

26maio12

o fusca acelerava devagar.
do mesmo jeito de sempre. divagar.
os prédios só não são maiores do que nossa falta de rumo.
a cor cinza do céu,
o ônibus atrasado, de quem já perdeu a hora,
quem não viu passar
então ficou só com as histórias.

já faz tanto tempo,
acho que você deve ter tanta coisa pra contar!
outro dia, outra mesma rua.
desculpa toda essa bagunça
mas a cidade era grande demais
sem graça demais
(sem você)
e a TV só passava filmes sem cor.

mas se quiser eu posso te levar.
pra você ver como outras cidades
vão ficar tão mais bonitas com você por perto.
e se já não somos mais tão bons assim
perdão. mas eles nunca vão entender
o que eu queria te mostrar,
era mais do que eu conseguia dizer.
o cinema está sem som,
estamos à 3 anos no mesmo dia
e tudo que eu quero lembrar,
é o que eu me esforço pra esquecer.
e se essa distância te levar
lembra de voltar pra dizer…
oi. 

Anúncios


No Responses Yet to “Tua cidade”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: