E ela disse: te cuida. E na minha cabeça (idiota) eu respondi: me cuida.

18maio12

E esse era o gosto de novas lembranças.
Como se eu tivesse gostado dela no mesmo segundo em que encontrei aqueles olhos.
E agora eu vejo seu rosto todos os dias.
Em todas as pessoas.
Se eu fosse um pintor eu faria um quadro,
usaria todas as cores, todos as tintas,
seria a imagem real do amor,
ninguém teria dúvida, todo abstracionismo seria demodê.
Se eu fosse um escritor eu te escreveria um livro,
romeu e julieta que se cuidem.
Se eu fosse músico todas as sinfonias teriam seu nome,
e os violinos repetiriam todas as melhores notas.
Se eu fosse poeta, Camões estaria perdido.
‘Amor é fogo que arde sem se ver’ é o cacete,
as melhores palavras pra melhor garota do mundo: você.
Mas eu não sou nada disso.
Não passo de um idiota,
que não esquece o seu sorriso.
E faz de greve fome,  pra tentar chamar sua atenção.
Porque, merda, você é linda. 

Anúncios


No Responses Yet to “E ela disse: te cuida. E na minha cabeça (idiota) eu respondi: me cuida.”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: