DEAD FISH

30jan12

É gente, ontem eu fui no show do Dead Fish! (:
E foi uma amostra de como eu disse que seria esse ano: (anota pra não esquecer) 2012 VAI SER INSANO.

 

Sentirei falta de todos vocês
Sabíamos que tudo tem
Um fim
Seremos homens melhores
Onde estivermos
O mundo é que está errado!

 

Começou umas três semanas atrás quando o Alex  me disse que teria Dead Fish em São Carlos e que o show seria de graça!
Na hora eu já pirei e já comecei a ver os esquemas pra alugar uma van.
Mas no começo acho que ninguém botou muita fé em mim, porque eu fiquei sem receber de quase ninguém até faltar 1 dia pro show.
Enfim, tudo certo, colocamos 17 negos na van e fomos pra São Carlos ao som do dvd do Dance of Days – eu, o Teago, o Dirceu e o Gui fazíamos uns bate-cabeça  no fundo da van e eu descobri que eu tava precisando mesmo fazer alguma coisa nesse estilo.

Mas deixa eu voltar um pouco.

No sábado eu tinha ido dormir às 2 pra levantar às 4.  Mas tinha um bom motivo: fui ter um dia bem louco em Olímpia! E foi da hora pra cacete! A gente foi em 2 carros, o Renan foi dirigindo e deixa eu dizer: a vida – devezemquando – é bonita pra caralho. É sério isso, acredita em mim.
E lá foi foda demais! Eu, com meu gigantesco pavor de altura, desci do tobogã mais alto e sai realizado, mesmo ainda sentindo as minhas pernas tremendo..
Mas foi foda, e eu me esforcei pra aproveitar cada segundo e acho que consegui. ^^

Mesmo o tempo estando meio nublado, todos nós acabamos voltando meio queimados pra casa e no carro eu já pensei: isso vai doer no show amanhã. – infelizmente essa porra era minha sina.

Voltando ao show, como previsto chegamos um pouco cedo demais..

Mas foi bom, porque enquanto morgávamos por lá, o Rodrigo (guarda esse nome, vou falar bastante dele) vocalista do Dead Fish, passou numa boa, andando do nosso lado com um skate na mão.
E o Alan andou atrás dele e chamou baixinho: Rodrigo? Uma foto?
Na verdade, o Alan nem sabia quem era o cara! hausash Nem sabia quem era a banda e tava lá pela loucura. haushuhas

E foi realmente legal, porque agora eu preciso ir atrás da Gi pra ela me mandar a foto e colocar no post, logo aqui em baixo pra vocês. (:

Eu - Rodrigo - Alf - Carou

Depois disso fizemos muitas coisas legais como assistir uns palhaços fazerem coisas engraçadas e ver o Alan ferir os sentimentos da palhacinha bonitinha quando ele disse: achei alguém mais tonto que eu. ahsuhaushas
Fizemos um desenho em 8 pessoas e ficou absolutamente lindo!

E quando vimos já era quase 3 da tarde. E o show começava as 3:30.

Ah, nisso chegou minha prima linda! Veio ela, minha tia e a Thayla linda.
E acho que um dia desses eu preciso fazer um post só pra dizer o quanto eu sou maluquinho pela minha prima. E preciso lembrar de dizer isso mais vezes…

Continuando, o show já estava pra começar e como eu estava morrendo de dor por estar todo queimado, meus planos era ficar quieto em algum canto. E eu quase consegui fazer isso…

 

Solidão, caminhar, espero um dia te ver mudar
Essa vida são escolhas sem direção,
nada é linear
Continuar, sobreviver,
pode ser muito cedo pra entender
Idéias em comum se tornam divisão,
caminhos opostos que se encontram ou não.

Até que um dia amanhecer e você vir a perceber
Até que um dia se levantar..

 

Eu e o Alex conseguimos encostar no palco, bem embaixo do microfone do baixista. E tudo parecia bem por lá. Até que anunciaram que o Dead Fish ia entrar e todo mundo já começou a gritar: HEI DEAD FISH, VAI TOMAR NO CU!

Então o Dead Fish subiu no palco.
O Rodrigo se apresentou e começaram tocando A DIALÉTICA.
Foi destruidor!
Na primeira música já abriu aquela roda insana de bate-cabeça!

Mas eu me segurei. Eu ainda tava todo vermelho por causa do sol.
No começo achei que seria fácil ficar na minha, porque eles começaram o repertório com muitas músicas do CONTRA TODOS  e eu não sei cantar quase nenhuma.
Até que tocaram TANGO e cacete, eu sou louco por essa música.
Aí eu pensei: foda-se, vai saber quando eu vou no show dos caras de novo.

Depois disso me soltei do cantinho do palco e fui pro meio da galera, na frente do microfone do Rodrigo.

O Rodrigo é foda pra cacete!
Além de cantar muito, ele não para um minuto. E é muito gente boa.
E quando ele para pra dizer alguma coisa, você sabe que tem que ficar quieto pra ouvir, porque ele sabe do que tá falando.


Eu não lembro de ordem nenhuma de música, por isso vou contar as coisas mais legais! (:

A desvantagem de ficar embaixo do microfone do Rodrigo, é que todo mundo que sobe no palco, pula ali. Em cima de você. Mas sei lá, acho que faz parte.
De qualquer forma, entre empurrões e murros, cheguei bem embaixo do microfone e me segurei na caixa de som – eu estava no melhor lugar do show!

E dali eu vi algumas das minhas músicas favoritas como: ASFALTO, SONHOS COLONIZADOS, ZERO E UM MOLOTOV, NOITE e a nova e ultra foda TIJOLO.
Dali do meio eu via o povo de Brotas mais no canto e minha prima linda subindo no cantinho do palco.
Até que a Carla subiu, e a Gabi também. E depois eu vi o Tiago e o Alan. Na verdade, o Tiago eu acho que eu vi subir no palco pra pular no povo umas 5 vezes.

Então eles tocaram SONHO MÉDIO! E meu deus, que música foda pra cacete! Maaas, bem na hora a força acabou. No meio da música. E toda a galera cantou assim mesmo. Parecia que o show ia terminar ali, mas o Rodrigo disse que ia ver o que tinha acontecido e se dessem eles já voltavam.

 

Nas armadilhas da cidade que nos causa repulsa
Nosso horizonte podia ser mais azul
Mas você fica tão bem sob esses tons de cinza
E seus olhos verdes
Sempre me refletem algo bom

Isso é uma guerra e nós sabemos
Fomos criados no meio disso
E no fim das contas ia piorar
Posso ver que está cansada
Entendo seu mau-humor
Espero que não desista

Baby, você pode o que quiser
A vida é tua
E eu sei podia ser melhor
Somos nós contra todos
Vamos vencer!

Voltaram logo depois.
Mas daí eu já tava no canto do palco com o povo de Brotas. E pensei em terminar o show por ali, eu já tinha visto ele cantar ‘Noite’ bem de perto… Mas ele falou assim pro guitarrista: toca uma nota só. E junto com a nota ele começou a cantar: HAVERÁ MAIS UM RETORNO A PARTIR DAQUI?

ERA BEM-VINDO AO CLUBE, PORRA!

Eu já saí no meio do povo e nessa eu entrei mesmo no bateca-cabeça. Até encontrei o Gui lá pelo meio, dei um abraço nele e continuei cantando com todas as minhas forças. Porque a letra dessa música é foda!

Eu parei ali na frente de novo, mas não restava mais muito tempo de show. Tocaram A URGÊNCIA, PAZ VERDE, MULHERES NEGRAS, CONTRA TODOS… e eu pensei: ok. já tocaram tudo de mais foda que tinha pra tocar.
Ilusão minha.
Tocaram AFASIAVIVER.
E na Afasia, o Rodrigo disse que queria uma roda gigantesca, que fizesse parte da pista toda. E foi exatamente assim que aconteceu!

Eu tava louco de vontade de subir no palco. Mas tinha me segurado até agora.
Até ele falar que tava no fim o show e puxou QUEDA LIVRE – essa foi a primeira música deles que eu curti pra cacete.
Eu pensei pela segunda vez: foda-se.

Bati a mão no palco e subi.
Passei por de trás do Rodrigo, fiz gesto pro povo juntar e bem na hora do refrão que ele grita: ‘VOCÊ É COVARDE DEMAIS PRA ENTENDER O QUANTO É INTENSO’ – eu pulei…
Caralho! como é foda fazer isso! *-*
Devia estar entre as coisas pra se fazer antes de morrer.

Quando eu voltei pro chão, eu vi o Tiago subindo, corri  lá de volta, sentei no palco, ele me deu a mão e me puxou pra ficar de pé.
E a gente pulou de novo…

Ok, por mim podia acabar assim…

Mas, pra finalizar, ele tocou CANÇÃO PARA AMIGOS e tudo ficou foda pra cacete!

E fim.
A gente voltou embora logo depois.

Todo mundo muito cansado, mas feliz.

Voltar pra Brotas foi de boa e as músicas do Dead Fish ainda tocavam na cabeça.  O legal é que são músicas inteligentes. E acho que o show fechou janeiro de uma forma absolutamente digna, porque até agora esse ano tava louco demais!

E o show só confirmou minha certeza: 2012 VAI SER INSANO.

E as coisas acontecem de uma forma louca e a gente tem que seguir em frente. Porque no fim só depende da gente cantar, gritar e aproveitar cada segundo. E viver…

E se não fossemos tão jovens ainda estaríamos aqui? 
E se não pudéssemos mais cantar, 
nem reclamar 
nem protestar? 
Fingiríamos esquecer nosso ideal 
ou lutaríamos agora pra valer? 
Os tombos da vida nos fazem crescer 
e não devemos desistir… 
Mas então vamos lá, 
lutar por um ideal. 
Se viver é resistir, 
então será… 

Anúncios


One Response to “DEAD FISH”

  1. Foi foda, um pouco triste por causas inúteis
    Foda por ver a turma da faculdade
    E lendário por eu estar entre amigos


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: