Isso não é assunto pra agora.

17jun11

Quando eu era pequeno eu odiava atrasar.

É verdade quando dizem que a gente muda tanto. Não que eu não me importe mais e viva me atrasando. Eu só acho uma covardia a gente ficar tão preso no tempo. É como olhar pro lado e ainda ser o mesmo dia no calendário. E talvez eu ainda esteja mesmo no mesmo lugar. Mas isso não é assunto pra agora.

Acontece que eu já não sei o que pensar. E quando não sei o que pensar eu escrevo. O Caio já disse: escrevo pra não falar sozinho. E eu complemento, escrevo pra não falar demais.
Porque eu sempre falei demais.

Ainda mais quando não sei o que pensar.

Eu tropeço na minha língua e quando eu vejo eu tô tão embolado! Por isso escrevo. Pra poder andar por aí com a serenidade de quem sabe à que vive e com a paz de quem trás um amor escondido por entre os dentes.  Mas esse também não é assunto pra agora.

Ontem eu fiz uma melodia, pra poder desafinar em qualquer tom. Mas na minha cabeça ela fica tão perfeita… É como se ontem eu tivesse ligado a Tv. E junto da Tv o liquidificador.

Na tv batia um pudim e no liquidificador passava o jornal. Woody Allen apareceu na programação, fez um número de mágica muito legal, que quebrava um relógio e dizia que assim tinha quebrado o tempo também.
Eu perguntei o que isso queria dizer e ele falou que agora eu teria todo o tempo do mundo.

Todo o tempo do mundo é muito tempo. – Mas isso também é pra outra hora.

Acontece que o Woody Allen me puxou pra dentro do liquidificador. E eu mostrei minhas melodias mais bonitas, enquanto ele morria de rir. Pensei em dizer mil coisas, mas entendi que ele já sabia.

Então as coisas aconteceram como num filme. E eu chorei e sorri, e morri de rir. Daí eu lembrei daquilo de Woody Allen ser deus, então eu perguntei se era verdade. Ele falou que não, só era um cara com um pouco de sorte.

Sorte. Por que eu não tinha? Por isso tudo dava tão errado?

Não – o Woody Allen respondeu – tudo dá errado, porque você é um idiota.

Então eu lembro que eu escrevo pra me sentir menos idiota. Mas isso talvez, também seja outro assunto, pra outra hora. Por que eu nem sei do que quero falar agora. Só acho que cansei de ser idiota.

E ele me ensinou a mágica, de quebrar o tempo, e voltar pra quando eu te olhava nos olhos e deixava o mundo acabar. Posso te ensinar, não tem segredo.
Só fecha os olhos.
E imagina o que quiser.
Eu quebraria o tempo e viveria numa foto se fosse pra sorrir assim pra sempre.
A gente nunca acredita que é verdade, até sentir aqui dentro. Tanto que chega a doer.

Tanto que a gente chora. Sem saber porque.
Mas parece uma boa coisa a se fazer no momento.
E depois sorri.
E depois coloca a cabeça no travesseiro e reza pra – peloamordedeus – tudo dar certo. E que talvez, eu trocaria, numa boa, uns anos da minha vida, por alguns minutos a mais.

E quando eu ando na rua. Ou quando vejo o céu. Eu só me pego pensando pra que tudo fique bem com você.

Então mesmo escrevendo eu falo demais. E vejo meu tempo passar. Eu odiava chegar atrasado, mas agora… é só agora. E não passa disso.

Mas não, isso não é assunto pra agora, na verdade mesmo, eu só quero pedir, me avisa, se puder, se não for te atrapalhar. Odeio chegar em hora errada e perceber que preciso ir embora. Então avisa, um sinalzinho discreto, um sorriso só pra mim, ou sei lá, grita comigo, me faz notar! mas avisa quando chegar a hora de dizer que eu gosto tanto tanto de você.

Anúncios


2 Responses to “Isso não é assunto pra agora.”

  1. 1 Taís Leonor Tedeschi

    Oi Dann
    simplismente são perfeitos seus post amooooo, escreva um livros seria a primeira a comprar!!!!
    Taís


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: