Todo carnaval tem seu fim (Pra te encontrar).

24fev09

(Primeiro e ultimo post que fala mesmo que vagamente sobre como foi o meu dia).

Carnaval.
Nas palavras do Renan: “Eu odeio o Carnaval!”
Eu concordo com ele.
Eu nunca entendi o carnaval, serio mesmo.
Deve ser uma desculpa paras as pessoas ficarem bebadas, sairem dando pra todo mundo, arrumarem confusão…
Enfim, deixa eu dizer logo o que eu preciso.

Eu fiz vários planos pra este carnaval.
Com certeza bem mais do que eu já fiz em qualquer outro ano.

Primeiro dia era uma sexta, tinha baile mais eu não fui. Tinha jogo de volei no outro dia e agente ainda precisava arrumar a fantasia de punk! Tirando o nervosismo e as besteiras que eu faço sem querer, eu precisava mesmo era dormir.

Sabado, você ia estar mais perto do que ficou nos ultimos dias. Mas eu não queria te ver naquele dia, eu não tava pronto. Me vesti de punk, o cabelo do Renan fico foda, o Alberto fico otro nível e agente ganho uns jogos, fomo pra final e eu gamei fica olhando pra menina que joga de all star como eu. A noite o baile foi meio chato.

Domingo, eu te procurei durante a tarde toda. Eu pensei que você iria me ver, como falou que tentaria. No clube a menina de all star falo comigo! *-*
A noite: uma voltinha rapida pelo centro, esperança de te ver. Eu não queria assumir isso, mais eu precisa demais olhar nos seus olhos. Voltei cedo, sem te ver, irritado por causada do carnaval de rua, as pessoas são um saco!

Segunda, acordo tarde, fiquei vendo o Oscar ontem na tv, Benjamin Buttun ganhou 4 prêmios, que filme foda!
Saiu na hora do almoço, procurando te ver.
Volto pra casa pensando em te ligar. Quando descubro que apaguei a mensagem que você mandou me chingando.
A tarde eu volto pro centro, comprar mais tinta de cabelo pra final de amanha. O centro tava cheio, eu compro a tinta rosa e roxa, faço um amigo novo, ouço umas musicas, cumprimento pessoas.
Sentado no banco eu vejo as pessoas passarem, eu juro que eu achei que você estaria por lá e eu nem sei pq eu preciso tanto te ver!
Ouvindo mp3 no centro:
Scracho… “nem solos de guitarra ou namorado pop star, só solos de guitarra e uma canção pra te mostrar..”
Fresno… “alguem que te faz sorrir, alguem que vai te abraçar..”
Ideal Stereo.. “eu quero estar no teu pensamento, eu quero ver o que você está vendo, eu quero sentir..”
HEVO 84.. “eu mudei por vc, mas não quis sofrer…”
Darvin.. “fecho os olhos apertados, pra te encontrar.”
Darvin.
Darvin.
Levanto, resolvi ir embora.
Acho que vai chover.
Por isso você não deve ter saido.
Cheguei em casa, deitei, liguei o mp3, pus no alto-falante e fiquei pensando em você.
Aff…

Fim do meu dia.
Odiei escrever sobre aquilo.
Mais eu pretendo te mandar..
Ou mudar a senha do meu blog, pra ninguem ler!
Que droga.
Eu sei que você deve tá me odiando de novo, mas dessa vez eu juro que eu tentei, que eu te procurei. Eu preciso te ver.
Ah, me odeie.
Eu não posso te dizer tudo o que eu quero, ou tudo o que eu sinto.

Escrevi isso, mas pra ficar registrado que eu penso mesmo em você.
Você vai me odiar, vai me bloquiar talvez.
Mas eu tentei, eu venci meu medo.
Mas eu tenho tanto azar, você já deve ter notado…

Enfim, acho que gosto mesmo de você.
Não que faça alguma diferença, porque você já é metade de outro coração.

(Se eu não resistir eu vou te mandar isso e com certeza só você vai entender).
Me odeie em paz.

Anúncios


No Responses Yet to “Todo carnaval tem seu fim (Pra te encontrar).”

  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: